O Pai no Pré Natal

"It is not evoluation which makes future fatherwood. It is present fathers who change the quality of our culture"


No centro OLÁ MAMÃ o Pai sempre foi bem-vindo e integrado nas diferentes actividades. As expectativas e as motivações do Pai são valorizadas desde o período pré-natal. A fisioterapeuta Maria João Alvito desenvolveu o primeiro projecto de investigação em Portugal sobre "O PAI NA EDUCAÇÃO PRÉ NATAL: NOVOS DESAFIOS".

 


As EXPECTATIVAS do Pai no período pré-natal antes de iniciar o curso de preparação para o parto:

  • bullet laranja"Pretendo que seja um treino para o que aí vem"

  • bullet verde"Perceber melhor este desconhecido, os aspectos físicos e psicológicos"

  • bullet laranja"Quero-me sentir mais confiante nesta fase: o que é que o pai deve fazer, que tipo de ajuda ´é que deve dar, onde ´q que deve apoiar?"

  • bullet verde"Recolher exemplos práticos, informações para nos ajudar com o bebé: há muitos detalhes com a alimentação, com a roupa que deve vestir, como se deve segurar, como se deve dar banho... Está a chorar mas o que é?

 O Pai no Pré Natal

Os BENEFÍCIOS relatados pelo Pai no final do curso de preparação do parto:

  • bullet laranja"É importante os dois partilharmos as mesmas informações, os mesmos conhecimentos e ajudarmo-nos mutuamente."

  • bullet verde"Foi essencial esta dinâmica de grupo: partilhar a experiência de uns e de outros, os receios, as ansiedades, as ideias que cada um tem."

  • bullet laranja"Um aspecto que eu achei relevante é a liberdade em duas vertentes: liberdade de saber perguntar sem estar constrangido e liberdade de ouvir opções e não escolhas. Não definir barreiras e limites mas dar opções, eu acho que foi fundamental para estimular a nossa confiança."

  • bullet verde"Ficamos mais confiantes, saimos daqui com uma série de ideias de como lidar com o parto e com o bebé nos primeiros tempos."  

Testemunho

"Vamos ter dores de cabeça, vamos dormir menos, vamos ter algumas chatices entre nós mas vamos ter a melhor coisa do mundo... e fazer com que seja um pouquinho parecida connosco, ajudaremos a crescer e a formar." 

 

"Hoje em dia com todos os desafios que nós temos nas nossas vidas quer homens quer mulheres têm vidas activas/intensas, e às vezes carreiras igualmente importantes temos que nos consciencializar que ter um filho é um trabalho a dois."

 

"Acredito na presença do Pai na construção e formação da família, desde o momento que já começou. Este é o motivo fundamental que me traz cá." 


"Nós temos que nos consciencializar que temos uma voz activa junto da criança. O nosso papel não é secundário, o mudar a fralda uma vez por outra e já somos um campeão, não temos que estar dia-a-dia disponíveis para acompanhar."

 

Convidamos o Pai a escolher com a Mãe a melhor turma e hora para participar activamente no curso de preparação do parto.